Decoração sustentável: responsabilidade que começa em casa!

É possível criar uma decoração sustentável seguindo vários estilos, do contemporâneo ao mais clássico de todos. Não sabe como? Veja em nosso artigo.

Inserir a sustentabilidade no seu endereço residencial nunca foi tão chique e econômico. As últimas tendências da decoração sustentável aproveitam acabamentos inovadores de diferentes estilos, tendo como foco a redução dos impactos ambientais.

Atualmente, você pode usar peças decorativas produzidas de forma sustentável em estilos de decoração como o industrial ou tradicional. Dessa forma, você evita usar materiais que poluíram e durariam anos até que fossem decompostos na natureza.

Contudo, ao optar por uma decoração sustentável, a beleza e o conforto que ela traz é apenas uma parte de seus benefícios. Pensando nisso, criamos este conteúdo para explicar seus efeitos — e, claro, dar algumas dicas interessantes para você colocar em prática no seu projeto. Boa leitura!

O que é sustentabilidade e decoração sustentável?

A sustentabilidade está relacionada à harmonia entre o meio ambiente, a sociedade e a economia local. A ideia é auxiliar na preservação da natureza, por meio de práticas que reduzam o consumo desenfreado de recursos naturais. Então, é essencial que uma empresa recicle materiais e os reutilize diminuindo os impactos ambientais.

Além disso, é preciso considerar como sua existência impacta na sociedade, economia e no meio ambiente. E, a partir disso, criar soluções ou compensações que equilibrem esses três pilares. Integrar cooperativas locais no seu processo produtivo, por exemplo, ajuda a comunidade local e movimenta seu comércio.

Mas, como aplicar esse conceito na decoração da sua casa? Você deve equilibrar esses três pilares escolhendo produtos sustentáveis, que criem sintonia com o meio ambiente e sejam duráveis, sem a necessidade de serem substituídos regularmente.

Ter um jardim vertical na parede da sua casa, por exemplo, pode criar uma sintonia com o meio ambiente que está à sua volta. Ele diminui a incidência solar na estrutura, que poderia aumentar o consumo de energia com ar-condicionado. Dessa forma, os moradores tiram proveito de conforto e economia alinhados.

Decoração sustentável com um jardim vertical com detalhes em branco.
Casa Cor SC 2013 – Balaroti Diamond Bar. Créditos: Arquiteta: Mariana Pesca.

Esse é um exemplo clássico, mas existem outras soluções que podem ser integradas no interior da sua casa ou apartamento. Elas envolvem desde a escolha de móveis, dicas para auxiliar em reformas, definição de produtos aplicados e, até mesmo, o uso da tecnologia com ferramentas de automação.

Como aplicar elementos sustentáveis na sua decoração?

Se você tem dúvidas sobre como é possível aplicar elementos sustentáveis na decoração para criar espaços incríveis e alinhados ao seu estilo, vale a pena conhecer algumas boas práticas.

Por isso, separamos diversas dicas que você pode seguir para priorizar a sustentabilidade no seu projeto de decoração, garantindo a redução do impacto ambiental e o consumo exagerado. Confira!

Opte por acabamentos e revestimentos de baixo impacto ambiental

Decoração sustentável com painel ripado preto e uma cadeira branca.

Produtos desenvolvidos a partir de resíduos, por exemplo, contribuem para minimizar o impacto ambiental. Além disso, eles fomentam uma cadeia de empregos na área da reciclagem, que favorece economias locais e várias famílias.

É 100% sustentável e, além de tudo, com padrões de acabamento e estilos variados. Existem diversas linhas e coleções de peças com decoração sustentável, revestimento, móveis e eletrodomésticos desenvolvidos nos princípios da sustentabilidade, como:

  • boiseries são requadros utilizados para criar painéis nas paredes e são muito presentes em decorações clássicas. Eles podem ser desenvolvidos com o poliestireno, que é reciclado a partir de embalagens de isopor;
  • painéis ripados são ótimos para uma decoração sustentável! Eles podem ser utilizados em diferentes tons, estilos, trazem contraste e volume para os ambientes. Quando são feitos com madeira pinus de reflorestamento, contribuem para que o impacto no meio ambiente seja mais controlado.

Além da beleza e estilo, você precisa considerar a durabilidade dos produtos para que eles não precisem ser rapidamente substituídos. Afinal de contas, reduzir a demanda e valorizar o consumo consciente também são formas positivas de influenciar a economia.

Alguns produtos também acabam agregando beleza e funcionalidade. Utilizar rodapés metálicos oculta as emendas nos cantos externos, e dão mais proteção à pintura ou painel contra os impactos comuns com cadeiras e a própria movimentação das pessoas no ambiente. Ou seja, sua casa permanece bonita por mais tempo.

Pensar no descarte dos resíduos na reforma é essencial, pois é comum que o processo resulte na geração de lixo. Portanto, conte com uma empresa de qualidade para fazer a coleta dos materiais e direcioná-los para espaços adequados, considerando as normas ambientais.

Separe os itens que podem passar por processos de reciclagem ou reúso para direcioná-los às cooperativas e outras empresas que possam realizar esse processo.

Restaure e reuse móveis antigos

Restaurar móveis antigos também é uma forma de aumentar o tempo de vida útil desses elementos tão fundamentais para a decoração. Além de tudo, isso também traz mais personalidade para a decoração.

Combinar elementos modernos com móveis da família ou de estilos antigos garantem um charme e aconchego para o imóvel!

Aqui, você pode recorrer a duas possibilidades. A primeira é contratar empresas especializadas: com o crescimento da tendência sustentável, é possível encontrar diversos serviços de reformas e restauração de móveis.

Porém, caso precise economizar ou goste de trabalhos manuais, vale recorrer ao DIY (do it yourself). Por meio de tutoriais na internet e outras pesquisas, você pode restaurar e reformar móveis e objetos antigos por conta própria.

Aposte no paisagismo e suas soluções inteligentes para o imóvel

Decoração sustentável com técnicas de paisagismo em um jardim.
Créditos: Arquiteta – Arquiteta: Débora Aguiar.

O paisagismo também pode trazer soluções inteligentes e sustentáveis para seu imóvel. O jardim vertical, por exemplo, pode diminuir o consumo de energia da residência, além de deixá-la mais bonita. Outra dica é optar por claraboias para aproveitar a luz natural e fazer jardins de inverno, trazendo o verde para dentro de casa e ajudar na purificação do ar.

Por que investir no DIY para uma decoração sustentável?

Já falamos sobre a possibilidade de investir no DIY para decoração sustentável, certo? Mas nem sempre as pessoas sabem os benefícios dessa prática. Quando você realiza os processos de reutilização (ou conta com um profissional para isso), há menos desperdícios de materiais.

Dessa forma, um item que seria descartado passa a ser utilizado novamente. Afinal, é comum que a técnica seja aplicada em móveis antigos ou outros projetos, usando itens como:

  • pallets;
  • pedaços de madeira;
  • tecidos não utilizados;
  • vidros.

Como resultado, a prática favorece o meio ambiente, evitando o uso excessivo de itens descartáveis, novos materiais naturais, água ou energia elétrica. 

Para aplicar o DIY, é preciso ter criatividade e acesso a objetos que não são mais usados, visando trazer novos usos para eles. Garrafas de vidro podem ser transformadas em vasos de plantas, por exemplo.

Como adotar a sustentabilidade na compra de móveis?

Você já viu que reutilizar itens ou buscar formas de desenvolver móveis e objetivos com o DIY é uma prática bastante sustentável. Isso não significa que a compra de mobília nova seja prejudicial à natureza: é possível fazer esse investimento pensando na preservação do meio ambiente.

Existem diversas marcas do mercado que atuam com foco na sustentabilidade e oferecem produtos que geram menor impacto ambiental. É o caso, por exemplo, de móveis feitos com madeira de reflorestamento ou acabamentos desenvolvidos a partir de materiais reciclados — como o poliestireno.

Também existem diversos móveis fabricados com fibras naturais que, além de beleza, garantem durabilidade e ajudam a cuidar da natureza porque são de fácil reposição. Além dessas fibras, existem outros materiais que podem ser usados, como palha de vime e junco.

Ao escolher a pintura, conte também com tintas ecológicas. Desenvolvidas com pigmentos naturais e à base de água, elas evitam o uso de solventes e outros materiais que podem ser prejudiciais à natureza — especialmente quando derivados do petróleo.

Como a automação pode ajudar na sustentabilidade do imóvel?

O uso da automação é uma ótima forma para reforçar a sustentabilidade de uma casa.
Sistema de controle da casa por meio de um tablet

Você sabia que a tecnologia também pode auxiliar na sustentabilidade de um imóvel? Esse é o conceito das “casas do futuro”, que contam com automação residencial. Através delas, é possível encontrar meios de economizar no uso de recursos naturais, promovendo uma rotina mais sustentável.

Por exemplo, ao planejar a iluminação, é possível implementar sistemas que apaguem as luzes automaticamente, ou desliguem aparelhos eletrônicos em ambientes vazios. Isso evita o consumo excessivo de energia elétrica e também colabora com o conceito de sustentabilidade.

O mesmo vale em relação ao consumo de água. Os sistemas também podem fazer as seguintes tarefas:

  • monitorar e controlar o escoamento;
  • bloquear vazamentos;
  • controlar o tempo de abertura de torneiras.

Dessa maneira, buscar entender as soluções da tecnologia para a casa, além de trazer mais praticidade, pode ajudar a tornar o imóvel mais sustentável.

Viu que é possível criar uma decoração sustentável sem ter que abdicar do seu estilo e bem-estar? Basta escolher produtos de empresas focadas em soluções e produções que valorizam a sustentabilidade. Também é importante recorrer às novidades do mercado para encontrar soluções mais adequadas para o seu imóvel!

Gostou dessa ideia? Então, siga nossas redes como o Instagram e Facebook para receber nossas atualizações! Aproveite também para acessar nosso Pinterest e se inspirar com soluções sustentáveis de decoração.

  • Santa Luzia Brasil BRA
  • United States USA
  • Santa Luzia Europa Europa
  • Blog Santa Luzia USA
  • Youtube Santa Luzia
  • Facebook Santa Luzia
  • Instagram Santa Luzia

    SUSTENTABILIDADE POR PRINCÍPIO

  • Santa Luzia - Green Building Council
  • Santa Luzia - Green Building Council Brasil
pt_BRPT_BR