PERFIL

[gtranslate]
O que você procura?
Generic filters
O que você procura?
Generic filters

Blog

O que você procura?
Generic filters
Icone blog CLIENTYE 1

O que é ser um consumidor responsável?

Muito se discute sobre o que é ser sustentável ou seja, ser um consumidor responsável.

Que atitudes devem ser tomadas, quais são impactos causados por uma produção não consciente, além da visível necessidade de uma mudança global sobre a forma de lidar com o meio ambiente e seus recursos.

Mas você sabia que hábitos de consumo tem impacto direto no desenvolvimento sustentável de toda sociedade?

Afinal economizar água e energia, separar os recicláveis e não descartar nada nas ruas são importantes atitudes para a preservação ambiental. Entretanto, o Idec – Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor – aponta: só isso não basta.Precisamos compreender toda a dimensão do processo: ao comprar qualquer produto, o consumidor também é responsável pelas consequências ecológicas que aquele produto gera antes, durante e após a sua utilização.

É TEMPO DE REFLEXÃO – CONSUMIDOR RESPONSÁVEL

É importante refletir sobre o que você está comprando: na mesma prateleira você terá opções de marcas responsáveis e empresas que ignoram totalmente essas práticas, colaborando com a rápida degradação dos recursos naturais do nosso planeta.Entretanto, sem informações a respeito do que se compra e de que maneira aquilo é feito, são grandes as chances daquela modesta escolha impactar direta e indiretamente todo o padrão produtivo do País.Repensar o consumo é uma das premissas da Economia Circular, conceito que visa nos conscientizar sobre a importância de quebrar um modelo linear de produção e consumo que perdura desde a Revolução Industrial.Afinal nosso planeta não comporta mais objetos que tenham início, meio e fim. É preciso manter o maior número deles em constante transformação, de modo que o final não seja único; pelo contrário, que eles possam ser o ‘começo’ de vários outros produtos.

O EXEMPLO DO ISOPOR®

Um exemplo marcante é o do poliestireno expandido (EPS), plástico conhecido pela marca Isopor®. No Brasil, são consumidas cerca de 100 mil toneladas/ano, mas mesmo sendo 100% reciclável, apenas 34,5% desse material é reutilizado. O reaproveitamento já poderia ser melhor somente com a disseminação de informação. Muitas pessoas sequer sabem que o Isopor®, tão usado no dia a dia, é tipo um plástico.É comum que a mesma pessoa seja capaz de descartar uma garrafa PET no cesto de reciclável, mas o EPS no lixo comum. Isso resulta no acúmulo do material em lixões, aterros sanitários, lagos, rios e oceanos.Como 98% da sua composição é basicamente ar, é um material que ocupa muito espaço para o peso que tem, inviabilizando aterros mais rapidamente que o ideal.Quando o consumidor “responsável” compreende o papel dele na reciclagem, é possível não apenas reduzir de forma significativa o consumo dos recursos naturais, como também diminuir bastante o volume de lixo.Neste sentido, resíduos de EPS podem ser transformados em diversas matérias-primas, como por exemplo para materiais de construção.Essa é a expertise da Indústria Santa Luzia há duas décadas, sendo responsável pela reciclagem mais de 68 mil toneladas de resíduos plásticos (Isopor®) para a fabricação de perfis decorativos e revestimentos sustentáveis.

PRIMEIRAMENTE VEJA COMO SUA CONTRIBUIÇÃO É IMPORTANTE:

Vamos agora ilustrar em dois exemplos como mudanças de hábitos podem ajudar indústrias como a Santa Luzia a melhorar o índice de reaproveitamento de plásticos.Na fabricação do rodapé 524 da Coleção Inova, um perfil de 2kg em 2,40m de comprimento e 25cm de altura, são necessários 1000 copos (2g/copo de 180ml) ou 400 bandejas (5g/bandeja 21x14cm) de Isopor®.Da mesma forma, para fabricar os perfis da Coleção Multilinha, ou seja, uma ripa de 740g e mais um filete de 250g, ambos com 2,80m de comprimento para usar e em um projeto de painel ripado, são necessários 495 copos ou 198 bandejas de Isopor® para produzi-los.Imagine quantos e quantos copinhos de café como esses de Isopor um escritório consome por mês. Do mesmo modo, imagine também quantas bandejas de carne e legumes são usadas por você e todo o condomínio ou o bairro.Em outras palavras, quando você aplica essas proporções ao construir ou reformar, fica fácil de perceber qual o impacto de escolher produtos sustentáveis e como isso vai ajudar o nosso planeta.

Veja o modesto cenário abaixo:

Para criar um painel ripado em 15 m² de parede, ou seja, uma parede com 5m largura e 3m de altura, você vai precisar de cerca de 118 ripas (30x2800mm) e 118 filetes (23,5 x 2800mm) da coleção Multilinha da Santa Luzia.Sob o mesmo ponto de vista ao revestir uma parede como essa, você evitou que 58410 unidades de copos ou 23364 unidades de bandejas de Isopor® deixassem de ser descartadas de forma incorreta.Agora imagine quanto seria possível reciclar se todas as casas e prédios revestissem seus interiores dessa forma?

SAIBA COMO AJUDAR E SER UM CONSUMIDOR RESPONSÁVEL

O Isopor® possui o agravante de ser leve e ocupar muito espaço, portanto não é um material dos mais desejados por todos os catadores e as cooperativas, cuja remuneração está bastante vinculada ao peso dos materiais.Isso faz com que, mesmo separado para reciclagem, esse material pode simplesmente não ser recolhido. Informe-se na Prefeitura como é feita a gestão dos resíduos da sua cidade.Se houver coleta seletiva e o EPS foi um resíduo aceito, separe-o juntamente com outros plásticos sempre no coletor vermelho.Se o Isopor® não for aceito na coleta ou simplesmente se não houver coleta seletiva, você pode procurar o Ecoponto ou Ponto de Entrega Voluntária (PEVs) mais próximo do seu bairro ou cidade ao menos uma vez por mês para destinar seus resíduos de Isopor®.Lembre-se: o interesse pela coleta do Isopor sobe se houver um aumento da demanda por logística reversa desse material, o que por sua vez vai aumentar com mais e mais consumidores optando por produtos que reciclam esse material. A vida é circular!

Fontes:

www.prefeitura.sp.gov.br/cidade/secretarias/upload/chamadas/4_Encontro_Carta_da_Terra_IDEC_e_Manual_de_Consumo_Responsavel_1263224913.pdf

www.mma.gov.br/informma/item/7651.html

www.sebrae.com.br/sites/PortalSebrae/ufs/ap/artigos/conheca-a-cartilha-producao-e-consumo-responsavel,8e077ad8d4570610VgnVCM1000004c00210aRCRD

 

Seja um parceiro da Santa Luzia na reciclagem de EPS♻ ????????
O contato pode ser feito diretamente na fábrica através do telefone 48-36511346 reciclaeps@industriasantaluzia.com.br

WhatsApp (48)99151-5592

CIC – Central de Inteligência em Captação de MP – Resíduos

Compartilhe:

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp

LEIA

TAMBÉM

2150771513

Texturas naturais: a tendência de decoração para 2024

Arquitetura sustentável: veja características de um projeto baseado na sustentabilidade

toscana

Santa Luzia Inspira: uma experiência única que vai elevar sua experiência!

RECEBA NOSSAS

NEWSLETTERS

Consentir*
Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.
Santa Luzia. Todos os Direitos Reservados

Desenvolvido por Drift Web

catalogo santaluzia 1

Você já baixou nossos catálogos?

Clique no link abaixo e encontre nossos catálogos digitais, manuais, fichas técnicas e termos de garantia de todos os produtos Santa Luzia.